Segunda-feira, 23 de Setembro de 2019
informe o texto a ser procurado

Notícias | Entretenimento

Paola Aleksandra revela ter ficado uma semana sem dormir para finalizar livro

09/09/2019 | 15:45 - Atualizada em 09/09/2019 | 22:05

IG - Entretenimento

Reprodução/Instagram/@livrosefuxicos
Paola Aleksandra revela que ficou uma semana sem dormir para entregar livro no prazo

Lançando seu segundo livro de romance de época na Bienal do Livro do Rio, Paola Aleksandra revela como foi o processo de escrita dos dois livros publicados pela Editora Planeta, “Volte para mim” e “Livre para recomeçar”. Além de escritora, a paranaense escreve em seu blog Livros e Fuxicos e comanda um canal no YouTube com o mesmo nome, além de se dividir com seu emprego na empresa dos pais.


“Quando comecei a escrever ‘ Volte para mim  ’ era difícil, só que eu me virava nos 30 para dar conta. Eu não queria abrir mão de nada. Gerenciava tudo e tentava não deixar que nada desequilibrasse, mas minha saúde sentia o impacto. Eu fiquei uma semana sem dormir, foi muito tenso e eu tinha que dar conta de tudo”, relembra Paola Aleksandra .
 

Ela lembra que quando decidiu se aventurar na escrita e continuar com os três empregos – blog, canal e empresa – as pessoas a chamavam de mulher maravilha. “Eu até gostava, porque era um elogio. Agora eu tento mostrar que a gente não precisa dar conta de tudo”, explica.
 

Hoje, lançando “ Livre para recomeçar  ”, a escritora já tem mais experiência na escrita e aprendeu que às vezes é necessário delegar algumas funções do seu dia a dia. “Diminui minha carga de trabalho na empresa, contratei alguém para editar os vídeos do canal e espero que nos próximos anos eu fique apenas com o canal e com os livros”, conta.
 

Seu novo livro traz a história de Anastácia, uma francesa da família real que vem para o Brasil e fica presa num famoso hospício para alienados no Rio de Janeiro. Ela fica três anos presa nesse lugar e precisa descobrir como enfrentar o passado e recomeçar sua vida em outro país.

 

Processo de escrita

Paola Aleksandra fala sobre o processo de escrita de
Reprodução/Instagram/@livrosefuxicos
Paola Aleksandra fala sobre o processo de escrita de "Volte para mim" e "Livre pra recomeçar"

Mesmo sendo livros do mesmo gênero, Paola revela que o processo de escrita de cada um foi bem diferente. “Em ‘Volte’ eu sabia aonde eu queria chegar, mas não fazia a menor ideia de como acabar. Já no ‘Livre’ eu sentei e fiz uma lista dos três principais pontos que eu queria abordar”, explica.
 

Durante a produção do segundo livro, Paola sofreu um acidente e precisou ficar uma semana de molho em casa. “Nessa semana muitas coisas na minha vida pessoal e profissional desandaram. Eu estava atraindo muita energia ruim e nessa semana eu entendi que essas energias não eram minhas, mas sim da minha personagem. Eram conflitos que eu precisava resolver, que não eram meus”, revela.
 

A autora não estava feliz com o final da história de Anastácia e foi nesse período do acidente que ela conseguiu reescrever todo final do livro. “No final das contas até agradeci o acidente, porque quando eu terminei fiquei muito satisfeita e sentia que era aquilo que eu sempre quis. Tive a sensação de que fiz o melhor que pude”, relembra com alegria no olhar.

Reprodução/Instagram/@livrosefuxicos
Paola conta que seu marido, Manoel, é seu grande incentivador

Casada com o arquiteto e empresário Manoel Caldeiras, Paola revela que ele é quem recebe as “bombas” enquanto ela tenta focar na escrita. “Ele é muito compreensível. Eu o sinto como um apoiador, um incentivador. Ele é aquela pessoa que fica na frente recebendo as bombas, sabe?”, fala.
 

Além de protegê-la, o arquiteto também gosta de dar alguns pitacos. Paola revela que a ideia de “Livre” veio durante uma conversa com ele: “A ideia do meu novo livro mesmo, veio enquanto estávamos caminhando, eu fui falando e ele dando opinião, quando acabou nossa conversa eu já tinha a ideia inicial do que iria escrever”.

 

Escolha do romance de época

Reprodução/Instagram/@livrosefuxicos
Paola Aleksandra sempre gostou do romance de época, antes mesmo de ser escritora

Desde o começo do seu blog, Livros e Fuxicos, em 2011, Paola sempre leu e indicou livros de romance de época. “Naquela época, esse gênero não era nem comum aqui e sempre foi algo que me fez muito bem, que eu gostava de indicar e ler. A primeira vez que pensei em escrever, o vocabulário simplesmente veio, sabe? Foi muito natural”, explica.
 

“O palavreado coloquial sai muito natural, os pronomes, os tratamentos, é muito louco. Eu tentei não me policiar muito, porque como é um romance de época ele te dá a liberdade de escrever o que quiser”, conta em meio aos risos.
 

A escritora ainda vê alguns preconceitos no gênero que escolheu trabalhar, mas acredita que seu trabalho indicando livros e autoras que escrevem obras desse tema, tem ajudado com que isso diminua. “Ainda é um gênero com muito preconceito, mas muita gente me manda mensagem falando que depois do meu livro começou a ler mais romances de época e isso é muito bom, ainda mais por eu ser uma autora nacional”, fala.
 

O lançamento de “Livre para recomeçar” acontece em São Paulo no sábado (14), na Saraiva do Shopping Pátio Paulista às 15h, e no domingo (15) em Campinas, na livraria Leitura do Shopping Pq. Dom Pedro às 15h. Maringá, no Paraná, a cidade de Paola Aleksandra  , recebe o lançamento no sábado (21) às 15h na Livrarias Curitiba do Maringá Park Shopping.



Fonte: IG - Entretenimento
 
Sitevip Internet