Sábado, 17 de Agosto de 2019
informe o texto a ser procurado

Notícias | Agro

Porte de arma em áreas rurais do País deve ser prioridade após Previdência Social

Governo poderá apresentar outro projeto ao Congresso Nacional

07/08/2019 | 14:00

canalrural/momentomt/Otavio Ventureli 0011914/MTE/DF

 
      A Câmara dos Deputados dará prioridade para a aprovação do porte de armas de fogo no país após a conclusão da votação da reforma da Previdência. Foi o que afirmou nesta quarta-feira(07), o ex-Deputado Federal, Alberto Fraga.
 
      Ele disse que será dada atenção especial à população do campo, com a ideia de criar a categoria do porte rural de armas de fogo.
 
     Segundo ele, que articula o tema e tem proximidade com o Palácio do Planalto, o governo deve enviar um novo projeto de lei sobre esse assunto para análise dos parlamentares. 
 
     Em junho, o Senado aprovou uma proposta que permite ao proprietário rural andar armado em todo o território da fazenda ou imóvel, mas ainda falta aprovação da Câmara para o projeto virar lei. 
 
     Fraga afirmou ainda que a nova medida segue na mesma linha dos que já estão em discussão. A proposta deve ser enviada ao Legislativo nas próximas semanas.
 
Sitevip Internet